sexta-feira, 18 de novembro de 2011

segunda-feira, 14 de novembro de 2011


No ultimo dia 21 de outubro aconteceu na Câmara Municipal de Vereadores de Catu o lançamento do livro " Cores, Sonhos & Silêncio", escrito por Chicomattos, Diana Couto, Edivan Bezerra, Hudson Santana, Jaime Rocha e N. A. Johnson.
O livro “Cores, Sonhos & Silêncio”, tão sonoro e sugestivo título, já nos diz bastante sobre o conteúdo que vem a seguir. São poemas repletos de melodia e emoção que traduzem Sonhos e também Silêncio. Os Sonhos alimentam a alma dos poetas que por sua vez, alimentam os homens.

A poetisa Diana Couto aborda em seus poemas o intimismo, a melancolia e o desassossego.

Chicomattos em suas poesias expressa à fé, a sonoridade das palavras e o ritmo dos versos.

A poesia de Edvan Bezerra tem um sabor de trovas, literatura de cordel; é leve, cantante e fala de morte.

Hudson Santana em seus trabalhos utiliza metáforas, comparações e surrealismo.

Jaime Rocha direciona sua poesia para o desconcerto do mundo e a preocupação da fragilidade do homem oprimido diante da vida.

O poeta N. A. Johnson utiliza a metalinguagem, onde transbordam imagens de seus poemas permitindo ao leitor, vislumbrar paisagens, cenas e psicodelia.

Tal livro torna-se leitura indispensável para aqueles que amam a poesia e tem sensibilidade para perceber o crescente amadurecimento desses poetas com relação a sua escrita.

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Promovido pela Meira Lopes Editora, do cantor, compositor, poeta e músico SERGIO LOPES, o concurso visa selecionar 20 autores brasileiros entre os 30 concorrentes pré-selecionados.

FRANCISCO DA SILVA MATOS (CHICOMATTOS) FOI UM DELES.

Em nota no blog do Autores do Brasil, Sérgio Lopes aborda a situação do concurso.

“Estamos na terceira etapa do concurso. Como anunciei, tive que ampliar de forma excepcional a quantidade de concorrentes, tal a dificuldade em escolher diante de tantos excelentes textos.

Como já tinha avisado, não serão priorizados textos com teor religioso, porque não é essa a idéia do Concurso nem do livro. (Posteriormente pretendemos publicar um livro somente de textos sacros, e então esses poemas serão mais apropriados).

Aos votantes, quero pedir que, mesmo que tenham sido convidados a votar por algum dos poetas, e queira dar a ele o seu voto, não deixem de ler os outros poemas, e votem conscientemente naquele(s) poema(s) que lhe atingiram o coração e a alma, pois podem votar em vários. O concurso não é uma simples contagem de votos, mas uma forma de observar os textos capazes de manter um leitor com um livro de poemas nas mãos.

Desejo boa sorte a todos, estreantes e veteranos.

“Sergio Lopes”

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

sábado, 20 de agosto de 2011


Literatura


O Dicionário de Escritores Baianos reúne informações básicas sobre autores, dos mais diversos gêneros literários e suas obras editadas. Trata-se de uma obra inédita no Estado, de caráter informativo, que visa atender estudantes, pesquisadores, professores, bibliotecas, redações de periódicos e o público interessado, preenchendo uma lacuna que há muito se fazia sentir no meio literário baiano. A obra reúne 1381 verbetes, oriundos de pesquisa direta e indireta, e a relação das principais obras de escritores, com livros publicados nas mais diversas áreas. Foram considerados baianos não só os autores que nasceram na Bahia, mas também os que nasceram em outros estados brasileiros ou no exterior, e que residem ou residiram na Bahia por mais de três anos. Entre outros, o poeta Catuense Chicomatto.

segunda-feira, 28 de março de 2011

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

sábado, 17 de julho de 2010